Conheça

Conheça

as Parcerias Assistenciais da FRRB

Além das atividades direcionadas para o aprimoramento científico, e dentro de suas possibilidades a Fundação Roberto Rocha Brito, também mantém em regime de parceria apoio a entidades assistenciais para que estas possam cumprir com seus objetivos e promover iniciativas para melhoria constante das suas atividades.

Três entidades foram escolhidas. Conheça abaixo um pouco do trabalho da instituição.

Casa Maria de Nazaré

A Casa Maria de Nazaré é uma entidade social da área da assistência social que atua na cidade de Campinas desde 1988. O atendimento da instituição está dedicado a crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidades e/ou risco social, através de Serviços de Convivência, Fortalecimento de Vínculos e Acolhimento Institucional, realizando um trabalho preventivo, socioeducativo e de reintegração familiar. São três unidades, onde cerca de 800 crianças e adolescentes são atendidas.

FRRB - Casa Maria de Nazare - Parceria Assistencial
FRRB - Centro de Educação Especial Síndrome de Down

CEESD – Centro de Educação Especial Síndrome de Down

O Centro de Educação Especial Síndrome de Down ou CEESD, como é mais conhecido, foi fundado no dia 2 de julho de 1981 por Benedito Vieira e Zuleika Santos Vieiras, ambos pais de pessoas com a Síndrome. Fruto de muita luta, e ajuda de amigos e atividades voluntárias para arrecadar recursos, o CEESD vem crescendo a cada ano e buscando se superar em cada atendimento para fazer a diferença na vida dos educandos e suas famílias.

O foco do CEESD sempre foi o desenvolvimento global da pessoa com síndrome de Down através da inclusão social, oferecendo suporte e estímulos necessários para inseri-los na sociedade, do ambiente escolar ao mercado de trabalho. O CEESD se posiciona como um apoio complementar com atendimentos terapêuticos, visando assim a inclusão das pessoas com síndrome de Down nas escolas e a inserção no mercado de trabalho.

Saiba Mais

Elaboramos e oferecemos diversos programas e projetos para atender a todas as necessidades dos alunos, inclusive o círculo familiar dos educandos, e desenvolvemos um trabalho específico que contemple a singularidade de cada caso.

Programa de Estimulação – Programa Intermediário – Programa Vida Adulta – Acolhimento de Pais- SECAP Setor de Capacitação de Profissionais

A síndrome de Down é causada pela presença de três cromossomos 21 em todas ou em grande parte das células de um indivíduo, essa ocorrência acontece na hora da concepção. As pessoas com a síndrome possuem 47 cromossomos ao invés de 46, como a maior parte da população.

A pessoa com síndrome de Down possui também uma deficiência intelectual, e por isso é de grande importância que receba os estímulos necessários desde cedo para desenvolver suas capacidades pessoais, conquistar sua autonomia e seu espaço na sociedade.

Conheça mais sobre quem somos e nossos projetos www.ceesd.org.br

Coração Curumim

A cardiopatia congênita é uma anormalidade na função ou na estrutura do coração, com surgimento até a 8ª semana de gestação do bebê. É considerada uma das más formações mais comuns nos recém-nascidos, sendo a terceira causa de morte infantil no período neonatal. A cada 100 crianças, pelos menos uma sofrerá com algum problema na formação do coração. Cerca de 23 mil crianças por ano necessitam de intervenção cirúrgica cardíaca corretiva, porém, 78% não recebem tratamento, seja por falta de diagnóstico ou vagas da rede pública. É grave? É grave. É, na verdade, um problema de saúde pública a nível nacional.

Saiba Mais

Pensando em como reverter esse quadro tão delicado que surge a Associação de Apoio ao Tratamento das Crianças Cardiopatas, a ONG Coração Curumim, uma iniciativa que envolve, além de profissionais da saúde, sobretudo médicos pediatras cardiologistas/intensivistas e cirurgiões cardíacos, integrantes das mais variadas esferas da sociedade, como pais que já passaram pela fila de espera em busca de tratamento para os filhos.

A ideia da ONG é chamar a atenção para esse problema.

Segundo a pediatra Cardiointensivista Priscila Maruoka, presidente-fundadora da ONG, no Brasil há apenas 20 centros especializados, nas buscas realizadas junto a Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular, com capacidade de oferecer tratamento adequado às crianças com cardiopatia congênita. Entretanto, um diagnóstico precoce e preventivo seria capaz de nortear quando e onde essas crianças deveriam nascer, garantindo a elas uma assistência médica mais adequada.

Em Campinas, sede da Coração Curumim, 6 hospitais realizam cirurgias cardíacas em crianças, mas apenas os hospitais da Unicamp e da PUC-Campinas (PUCC) realizam pelo Sistema Único de Saúde (SUS), recebendo os casos mais complexos. Mesmo com a fundação da primeira UTI Cardiológica Pediátrica (UCP) de Campinas na PUCC, em janeiro desse ano (com 3 leitos neonatais), ainda chama a atenção o déficit significativo de vagas e estrutura. A UCP de Campinas tem como supervisores a Drª Ana Paula Damiano – cardiologista pediátrica – e o Drº Fernando Antoniali – cirurgião cardíaco infantil.

Nesse cenário, a ONG Coração Curumim projeta, entre outros objetivos, oferecer medicamentos e tratamentos não cobertos pelo SUS, criar um abrigo para os pais (que muitas vezes viajam de outros estados em busca de tratamento), elaborar campanhas de conscientização para que a população conheça a seriedade do problema e saiba como buscar ajuda, oferecer cursos de aperfeiçoamento para profissionais da saúde, além de investir no diagnóstico precoce na região de Campinas.

Conheça mais sobre nós www.coracaocurumim.com.br